Para Aumentar O Preço Do Leite, Fazendeiros Estão Matando Suas Vacas E Revelam O Lado Negro Da Indústria Do Consumo

Com o aumento populacional, consequentemente a demanda por alimentos sobe. Isso vem acontecendo há algum tempo com os produtos lácteos nos Estados Unidos nos últimos 40 anos.

No entanto, alguns criadores tentaram limitar a oferta de leite fazendo o algo que ninguém imaginaria: matar suas próprias vacas. Parece contraditório matar o animal que faz seu trabalho funcionar, mas foi exatamente isso que eles fizeram.
vaca3
A situação terrível foi revelada em uma ação judicial de caráter nacional contra cooperativas lácteas e os grupos de fazendeiros que reúnem sua oferta, mas no geral, planejam uma grande esquema bárbaro para manter seu preço alto.

vaca1

Um dos advogados de uma das principais empresas reclamantes, alegou que as cooperativas pagavam aos fazendeiros para que eles transformassem as vacas em hambúrgueres. Os réus fecharam o acordo em US$52 milhões (cerca de R$172 milhões, que não significa nada para um setor tão grande, mas as leis começam a se mostrar frágeis na agronomia americana.

O “programa de aposentadoria do rebanho”, como era chamado, foi liderado pela Cooperatives Working Together, administrada pela Federação Nacional de Produtores de Leite dos EUA, e respaldado pelas fazendas que produzem quase 70% do leite do país. Entre as cooperativas processadas individualmente, estão a Dairy Farmers of America, a Land O’Lakes, a Dairylea Cooperative e a Agri-Mark.

vaca2

E nós ficamos aqui nos perguntando: até onde chega a ganância do ser humano? Como já diria o Greenpeace: “Quando a última árvore tiver caído,quando o último rio tiver secado,quando o último peixe for pescado,vocês vão entender que dinheiro não se come”.