Whindersson Nunes defende Carrefour em caso de cão morto em hipermercado

Youtuber dividiu opiniões ao publicar em rede social que ‘não é a empresa inteira que tem culpa’.

Considerado uma das principais e mais influentes personalidades brasileiras da atualidade, o youtuber e comediante Whindersson Nunes, de 23 anos de idade, tornou-se assunto nos meios de comunicação após se pronunciar via rede social a respeito da morte de um cachorro em uma unidade do Carrefour em Osasco, na Grande SP, que teria sido espancado por um segurança do hipermercado.

O caso envolvendo o cãozinho ganhou repercussão nacional e literalmente tomou espaço e notoriedade na mídia, bem como nas redes sociais dos brasileiros.

Whindersson Nunes usa Twitter para falar sobre a morte do cachorro e divide opiniões
Contando com quase 10 milhões de seguidores em seu perfil oficial no Twitter, o youtuber brasileiro mais famoso e bem sucedido dos últimos anos, frequentemente utiliza a rede social para expor sua opinião a respeito dos mais diversos assuntos pertinentes à sociedade.


Uma das últimas publicações de Whindersson Nunes [VIDEO] acabou dividindo a opinião dos seguidores.

Utilizando seu perfil no Twitter, na tarde desta última terça-feira (04), o piauense declarou: “vale lembrar que não é a empresa inteira que tem culpa, aconteceu no Carrefour de Osasco, um cachorro foi morto a pauladas por um segurança despreparado”.

Rebatendo abertamente as críticas feitas à rede de supermercados Carrefour como um todo, e usando de discernimento para citar apenas o estabelecimento onde o caso ocorreu, Whindersson ganhou fama de ser um defensor do supermercado citado como local do suposto espancamento do animal.

Youtuber exclui publicação após ser intitulado como defensor do Carrefour
Ao se deparar com diversas críticas envolvendo sua suposta “defesa” a rede de supermercados, Whindersson optou por excluir sua publicação do Twitter e rebater os comentários negativos feitos a seu respeito com um novo post.

Utilizando a mesma rede social, o youtuber compartilhou publicamente suas doações àqueles que necessitam e fez questão de frisar que, só neste mês, já doou mais de R$ 60 mil para instituições que cuidam de animais.